Cogna avança mais de 4%; Locaweb e BRF recuam 5% – últimas notícias – Empregonews
Site Overlay

Cogna avança mais de 4%; Locaweb e BRF recuam 5%

As ações da empresa de hospedagem de sites Locaweb lideravam as quedas do principal indicador da B3, o Ibovespa, no início da tarde desta terça-feira (18).

Enquanto na outra ponta, os papéis do grupo de educação Cogna e da petroleira PetroRio ficavam com as maiores altas. Com grande peso no índice, as ações de Petrobras e Vale também avançavam.

As construtoras MRV, Lavvi, Even e Melnick operavam com desvalorização em meio à divulgação de prévia operacional. Confira os destaques registrados por volta do meio dia:

Locaweb

A empresa de hospedagem de sites Locaweb (LWSA3) cedia 5,71%, para R$ 8,08, liderando as quedas do Ibovespa. A companhia acompanha sessão negativa para os papéis relacionados ao setor de tecnologia no exterior.

BRF

A empresa de proteína animal BRF (BRFS3) recuava 5,17%, negociada a R$ 23,47, interrompendo quatro sessões de alta. A companhia informou que seu conselho de administração aprovou o aumento de capital com uma oferta subsequente (follow-on) de até 325 milhões de novas ações ordinárias, incluindo ADRs (recibos de papéis negociados nos EUA).

Cogna

Os papéis do grupo de educação Cogna (COGN3) operavam em alta de 4,61%, negociados a R$ 2,27, dentre as principais altas do pregão. Na véspera, a companhia informou que a gestora Alaska Investimento alcançou participação de 15,23% na empresa, totalizando 285.779.108 ações ordinárias.

Petroleiras

A PetroRio (PRIO3) subia 3,55%, para R$ 23,62, enquanto o papel preferencial da Petrobras (PETR4) tinha leve alta de 0,60%, negociado aos R$ 31,69, após o petróleo atingir maior patamar em sete anos, diante de potencial disrupção na oferta. Ataques do grupo Houthi, do Iêmen, aos Emirados Árabes Unidos, se juntaram a perspectivas de um mercado já apertado.

Vale

A mineradora Vale (VALE3), por sua vez, avançava 2,99%, para R$ 86,76, após futuros do minério de ferro em Dalian fecharem em alta de 1,1%, enquanto preços spot com 62% de teor de ferro para entrega à China caíram.

Equatorial

A empresa de energia Equatorial (EQTL3) tinha baixa de 2,11%, negociada a R$ 21,82, após jornal Valor Econômico noticiar que a empresa prepara follow-on de até R$ 3,5 bilhões.

Construtoras

A construtora MRV (MRVE3) caía 1,82%, a R$ 10,80, após divulgar prévia operacional do quarto trimestre. Os lançamentos totais subiram 52,4% sobre o mesmo período de 2020, dado principalmente o desempenho da AHS, unidade do grupo nos Estados Unidos, e as vendas cresceram 18% ano a ano. Mas a empresa apurou consumo de caixa no período. No mesmo setor, Melnick (MELK3), que não está no Ibovespa, caía 1,33%, a R$ 3,70, Even (EVEN3) perdia 1,45%, para R$ 6,10, e Mitre (MTRE3) tinha baixa de 1,05%, a R$ 6,62, após divulgação de dados operacionais do quarto trimestre.

*(Com informações da Reuters)